Dieta do ovo cozido para emagrecer rápido – Saiba tudo aqui!

Você quer conquistar um corpo magro? Já fez várias dietas e não teve resultados pelas inúmeras restrições? Você já ouviu falar da dieta do ovo? Ela é uma excelente dica para você que já tentou várias dietas e ficou frustrado.

Vamos explicar como funciona a dieta do ovo, dar variações dessa dieta e dar uma sugestão de cardápio para ajudar você a alcançar seu objetivo de emagrecer rapidamente!

O que é

Na dieta do ovo você come menos carboidratos e come mais proteínas e gorduras saudáveis. A dieta do ovo tem duração máxima de 2 semanas e funciona assim: você come um ovo cozido antes das três refeições principais.

Mas, por que isso?

É que o ovo é fonte de proteínas e aumenta a saciedade, ou seja, faz você demorar a sentir fome. E tem mais! A gema do ovo tem ferro, vitamina B9, vitamina E, ômega 3 e antioxidantes, assim você sente menos fome e se mantém firme ao longo do dia.

Para o sucesso dessa dieta você deve comer saladas, frutas, frango sem pele, peixes magros, azeite, castanhas e sementes. Comida congelada é proibida por mais que seja um prato saudável, sucos prontos também são proibidos.

Viu só como fazer a dieta do ovo não é complicado? Afinal de contas só estão proibidos alimentos que não agregam nada.

5 benefícios da dieta do ovo

Já adiantamos o primeiro benefício, mas, agora vamos detalhar porque a dieta do ovo emagrece e trazer seus 5 benefícios:

  1. Retarda a sensação de fome e queima gordura

A fome acontece após o organismo processar os alimentos. O ovo tem 6 gramas de proteínas e o organismo tem que trabalhar muito para digeri-las. O ovo ainda acelera o metabolismo, o que propicia a queima de gordura.

O instituto americano de pesquisa Rochester Center afirma que comer um ovo no café da manhã faz você comer 400 calorias a menos. Mas, é bom lembrar que essa saciedade e queima de gordura acontece apenas se você comer o ovo cozido e sem sal.

  1. O ovo é rico em triptofano

O triptofano é um composto químico do cérebro que aumenta a produção do neurotransmissor serotonina. Entre as funções da serotonina estão reduzir a ansiedade e o apetite, que estão intimamente ligados.

Quando a quantidade desse neurotransmissor está correta você sente menos vontade de comer alimentos calóricos, impedindo que seu corpo sinta fome ainda que esteja nutrido.

  1. Não aumenta os níveis de glicose

Os níveis de glicose caem drasticamente quando estamos dormindo, afinal de contas, ficamos, no mínimo, 8 horas sem comer.

Se a gente comer um carboidrato sem proteínas no café da manhã acontece um aumento de glicose repentino. Esse aumento súbito de glicose promove uma alta carga de insulina para levar o excesso de glicose para as células.

A descarga imediata de glicose e insulina leva a uma queda brusca de açúcar no sangue e muita fome, mesmo após ter se alimentado bem.

Sendo o ovo um alimento que demora a ser digerido, os níveis de glicose e insulina ficarão estabilizados e você voltará a comer apenas quando estiver realmente com fome.

  1. Rico em vitamina B12

A vitamina B12 não emagrece, porém, ajuda porque estimula a produção de serotonina (falamos dela no item 2) e também metaboliza as proteínas e gorduras.

E o que raios é metabolizar?

Metabolizar significa transformar em energia, ou seja, em pessoas com níveis normais de vitamina B12 a proteína e a gordura trabalham muito para virar energia e isso faz o organismo não ficar com nada além do que ele precisa.

  1. Fortalece os músculos

Já reparou que o pessoal que treina pesado tem o ovo como uma das estrelas da dieta? Isso não é à toa! O ovo fortalece e estimula o crescimento dos músculos por ser riquíssimo em proteínas.

Cardápio de 3 dias

Temos certeza que você ficou entusiasmado com essa dieta! Agora, trazemos uma sugestão de um cardápio de 3 dias da dieta do ovo:

Primeiro dia:

Café da manhã: 1 xícara de café sem açúcar, 2 ovos cozidos e 5 castanhas de caju;

Lanche da manhã: 1 maçã;

Almoço: 1 ovo,1 filé de frango com molho de tomate, 1 colher de sopa de arroz integral e 1 concha de feijão;

Lanche da tarde: 1 pera e 2 castanhas;

Jantar: 1 ovo cozido, salada de tomate e 1 fruta cítrica;

Ceia: 1 fatia de melão.

Segundo dia:

Café da manhã: 1 ovo cozido, 1 banana, 2 colheres de sopa de granola sem açúcar e 1 xícara de café com leite desnatado.

Lanche da manhã: 1 maçã;

Almoço: 1 ovo cozido, 1 concha de feijão e salada de alface com tomate, couve e pepino;

Jantar: 1 ovo cozido, salada de rúcula, tomate cereja e alface e 1 fatia de queijo branco;

Ceia: ½ fatia de mamão.

Terceiro dia:

Café da manhã: 1 ovo cozido, 1 pote de iogurte desnatado, ½ manga e 2 torradas;

Lanche da manhã: 4 morangos e 2 castanhas;

Almoço: 1 ovo cozido, 1concha de feijão, ½ xícara de repolho cozido e 4 tomates cereja;

Jantar: 1 ovo cozido, 2 colheres de sopa de arroz integral e 4 tomates cereja;

Ceia: 1 taça de geleia diet.

Dieta do ovo com batata doce

A dieta do ovo com batata doce é uma variação bastante interessante daquela que apresentamos. Aqui, a sua sensação de variedade é ainda maior, porque a batata doce é rica em fibras e elas demoram a ser digeridas. Além do mais, essa combinação de ovo com batata doce faz o intestino funcionar melhor, evita a fadiga e remove as toxinas do corpo.

Quer saber mais benefícios da dieta do ovo com batata doce? Ela deixa você com mais energia para treinar e acelera a perda de gordura.

Em relação ao cardápio, você precisa incluir 1 ovo cozido e uma porção de 30 a 50 gramas no almoço, lanche da tarde e jantar. Assim como a dieta do ovo tradicional, o recomendado é fazer a dieta do ovo com batata doce no máximo por 7 dias.

Dieta do ovo da USP

Embora seja atribuída a Universidade de São Paulo, a instituição nunca confirmou ser a criadora desse programa de emagrecimento.

A Dieta da USP emagrece porque é extremamente restritiva e ela deve ser feita por 7 dias, podendo ser repetida por mais 7. Essa dieta consiste em fazer apenas 3 refeições por dia, para reduzir o máximo o número de calorias.

No cardápio da dieta da USP tem ovo cozido, presunto no almoço ou jantar de dois dias e apenas os três vegetais permitidos são agrião, alface e chicória. Por conta da baixíssima ingestão de calorias não é indicado fazer exercícios físicos intensos durante a dieta.

O que você achou da dieta do ovo? Conte para a gente se você teve algum resultado!

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.